Postado em 26 de Julho de 2018 às 16h24

6 dicas passadas de vó que realmente funcionam

Saúde (93)

Que colo e comida de vó nunca são demais, ninguém duvida. E o que dizer dos truques caseiros passados de geração em geração que, à primeira vista, parecem superstição, mas nunca falharam em curar aquele resfriado persistente ou a dor de barriga incômoda?

Chá de boldo melhora a má digestão

Chega de fazer cara feia para o chá oferecido pela vovó. Para quem sofre com problemas digestivos, o chá de boldo é um excelente remédio caseiro. De acordo com a nutricionista Isabel Jereissati, a planta peumus boldus contém vários componentes - como boldinas e catequinas - que ativam o fígado, reduzem os gases intestinais e melhoram os sintomas de azia e má digestão. "Ela também causa alívio dos sintomas de intolerância alimentar, vômito, mal estar e infecções intestinais e atenua as cólicas abdominais", complementa a médica nutróloga Alice Amaral.

Sofrendo com a insônia? O chá de camomila pode resolver

O chá de camomila é ideal para desestressar e garantir uma boa noite de sono. “A infusão de matricaria chamomilla tem propriedades calmantes, que auxiliam o sono e proporcionam o relaxamento”, explica Isabel Jereissati. E os benefícios associados à planta não param por aí. "Além de calmante, o chá de camomila também é coadjuvante no tratamento de infecções, má digestão, cólicas menstruais, além de ser um estimulante do sistema imunológico e um detoxificante natural", aponta Alice Amaral.

Para se livrar da tosse, uma colherada de mel

Além de ser um grande aliado da beleza, o mel também é indicado como uma alternativa barata e natural no tratamento da tosse e infecções respiratórias leves por sua ação expectorante, bactericida e anti-inflamatória. “Mas, atenção, o mel não deve ser ingerido por crianças menores de um ano de idade devido ao risco de botulismo, um tipo de intoxicação alimentar”, orienta Isabel Jereissati.

Diga adeus à gripe e ao resfriado com a boa e velha canja

Poucos alimentos remetem tanto à infância quanto a boa e velha canja de galinha, não é? Servida tanto para crianças quanto para adultos, a sopa é um remédio comum no inverno, ajudando a acelerar o processo de cura de gripes e resfriados. “Ela não apenas esquenta, mas contém importantes nutrientes - como selênio, cromo, zinco, caroteno e vitaminas do complexo B - que participam da produção e atividade dos glóbulos brancos, responsáveis por combater infecções”, explica a nutricionista.

Própolis é o melhor remédio contra a dor de garganta

Esse truque vem de muito antes do tempo da vovó. Própolis tem diversos usos medicinais, como o tratamento de tumores, pneumonia e tuberculose. “Com ação antibacteriana, antiviral e anti-inflamatória, a própolis também possui função anestésica, aliviando dores de garganta e outras infecções”, garante Isabel Jereissati. A presença de flavonoides é a principal responsável pelos benefícios do "santo remédio" que, Alice Amaral lembra, teve recentemente sua ação broncodilatadora comprovada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Gemada para 'levantar defunto'

Além de aquecer como coração de vó, a tradicional gemada preparada com leite, ovo, açúcar e canela pode dar um "up" em quem está cansado, sem ânimo, doente ou sem apetite. “Concentrada em calorias e com carboidratos, proteínas e gorduras, a mistura funciona para aumentar a energia do corpo”, indica Isabel Jereissati. A receita que "levanta defunto" apresenta esse efeito em função da presença do ovo, um alimento completo e rico em proteínas, vitaminas essenciais e gorduras do bem. Alice Amaral, no entanto, lembra que a mistura não deve ser consumida em excesso, pois utiliza muito açúcar e leite.

Fonte: Gnt 

Dr. Bem Estar - Seu Portal de Saúde! Que colo e comida de vó nunca são demais, ninguém duvida. E o que dizer dos truques caseiros passados de geração em geração que, à primeira vista,...

Veja também

Diferença entre Sucralose e Estévia?12/12/16 Você já deve ter ouvido falar sobre estévia e sucralose. Muitas vezes utilizamos estes adoçantes e não sabemos a diferença entre eles. Hoje em dia, a estévia e a sucralose, são os adoçantes mais recomendados por nutricionistas, dependendo de cada caso. O consumo excessivo de açúcar estimula o aparecimento da obesidade, o crescimento de......
Junho Vermelho: o que você precisa saber para doar sangue13/06/17 A campanha visa alertar para a importância de manter os estoques de sangue abastecidos nos meses de frio. Durante o inverno, é comum que os bancos de sangue do país fiquem desfalcados, já que essa é a temporada de......

Voltar para (NOTÍCIAS)