Postado em 19 de Junho de 2017 às 12h03

Estudos apontam que pais de meninas tratam filhas de modo diferente

Bem-estar (50)
Dr. Bem Estar - Seu Portal de Saúde! Os comportamentos e as atitudes de pais estariam condicionados ao gênero da criança. Um estudo sobre o papel que noções inconscientes de gênero podem ter na...

Os comportamentos e as atitudes de pais estariam condicionados ao gênero da criança.

Um estudo sobre o papel que noções inconscientes de gênero podem ter na criação dos pequenos, feito pela Universidade Emory, nos Estados Unidos, confirmou o que o senso comum já apontava: pais de meninas são mais atentos às suas filhas e atendem mais rapidamente aos seus apelos do que pais de meninos.

O experimento também registrou outros dados importantes:

• Os pais cantavam mais para as meninas do que para os meninos;
• Os pais falavam mais abertamente sobre emoções com as meninas, usando com mais frequência palavras associadas à tristeza, como “choro”, “lágrimas” e “solidão”;
• Os pais de meninos se engajavam mais em brincadeiras de luta e diziam palavras mais ligadas a realizações e proezas, como “orgulho”, “vitória” e “superior”;
• Os pais de meninas responderam ao chamado delas mais do que os pais de meninos.

Diante desses achados, os estudiosos fizeram duas recomendações importantes às famílias, para que elas deixem de reforçar estereótipos de gênero. A primeira delas é para que os pais de meninos também deem abertura para que eles expressem as suas emoções, assim como fazem com as meninas – o que gera maior empatia entre pais e filhos.

E, em relação aos pais de meninas, a orientação dos autores da pesquisa é para que eles se engajem em mais atividades com elas, mesmo que estas brincadeiras estejam mais associadas a meninos. Afinal, o sexo da criança não deve limitar o comportamento, os momentos de lazer ou as relações que elas estabelecem com seus cuidadores e pessoas ao seu redor.

Fonte: Bebe Abril

Veja também

Os benefícios da água para a amamentação08/03/19 O sucesso da amamentação está diretamente relacionado a fatores como o preparo das mamas ao longo da gestação, a produção dos hormônios prolactina e ocitocina, o posicionamento correto do bebê no seio da mãe e o consumo aumentado de água. Isso explica a insistência dos profissionais quando indicam maior ingestão de......
Evite dores de cabeça com alimentação equilibrada27/11/15 Selênio Presente principalmente em salmão, ostras cruas, castanha do Pará, fígado de boi e farelo de trigo, o selênio é um mineral capaz de retirar os metais tóxicos do corpo. Esses metais tóxicos,......
Algumas práticas para se manter menos estressada no trabalho!05/05/16 Com a correria do dia a dia, muitas pessoas acabam ficando ansiosas e nervosas devido as tarefas que elas tem para realizar em um curto espaço de tempo. Mas isso não faz bem, então o melhor que se tem a fazer é tirar um tempo pra......

Voltar para (NOTÍCIAS)